No último Globo de Ouro, realizado em janeiro de 2021, uma polêmica envolvendo o filme Minari chamou a atenção mais uma vez para categorização dos seus indicados. Minari é um filme americano, gravado nos EUA, por um diretor norte-americano. Porém,  apesar disso, foi indicado e venceu o globo de ouro na categoria de melhor filme estrangeiro.

Segundo a regra da Associação de imprensa estrangeira de Hollywood, que organiza o prêmio Globo de Ouro, qualquer filme que tiver mais de 50% dos diálogos falados em uma língua que não seja o inglês, ele será considerado filme estrangeiro. Minari, tem boa parte das falas em coreano, mas por si só essa regra deixa margem para polêmicas. Segundo os representantes da A24 em entrevista ao jornal Variety, eles não tiveram nem tempo de contestar, bem naquele ditado ‘ou isso ou nada”.

Minari não foi o único filme que foi envolvido em polemicas de categorização dos indicados do Globo de ouro, o filme Corra, por exemplo, do gênero terror dramático, foi indicado a melhor filme de comedia ou musical.  Para aumentar mais a contradição do globo de ouro, outros filmes com várias línguas estrangeiras em seus diálogos foram considerados filmes americanos pela associação da premiação, como Bastardos Inglórios (2009), que tem aproximadamente 30% de diálogos em inglês e o filme Babel (2008), que tem cinco idiomas falados nos diálogos da produção cinematográfica.

Mas, na grande premiação do cinema mundial, o Oscar, Minari foi considerado o que ele realmente é, um filme americano e está concorrendo ao prêmio de

Melhor filme

Melhor direção – Lee Isaac Chung

Melhor ator- Steven Yeun (ator de The Walking Dead )

Melhor Atriz coadjuvante- Yuh Jung Youn

Melhor roteiro original- Lee Isaac Chung

Melhor Trilha Sonora- Emilie Mosseri