Tá procurando o que assistir esse feriadão, mas passa horas na frente da Netflix sem saber o que escolher? Gostaria de assistir uma coisa diferente do padrão convencional de séries americanas? Algo que fuja do que todo mundo está vendo? Então pare tudo e vá ver Diablero!

Essa é uma série original Netflix México e é baseada no livro
El Diablo me obligó do escritor mexicano Francisco Haghenbeck . A trama traz a velha história da batalha sobrenatural de anjos e demônios, bem contra o mal. Existia um equilíbrio entre as forças, para cada demônio existia um anjo e assim a ordem das coisas era mantida.

Porém, um dia os anjos simplesmente sumiram e só o que restou como responsável para a manutenção desse equilíbrio e proteção da terra foram os dibaleros, humanos caçadores de demônios (É, eu sei. Hunters. Mas confia que não é uma cópia de Supernatural. Confia e continua lendo).

É nesse contexto que conhecemos o trio protagonista: padre Ramiro ventura (interpretado pelo ator Christopher Uckermann, de Rebelde) , o Diablero Elvis Infante (Horácio Garcia Rojas) e a garota que incorpora demônios para as lutas (tipo Ben 10 XD), e melhor personagem do mundo todinho, Nancy (Gisselle Kuri).

Ao conhecermos os personagens e acompanharmos a jornada do trio, vamos percebendo que a forma como a mitologia e o sobrenatural são tratados aqui é bem original e diferente do que estamos acostumados. Eles trazem os elementos da mitologia mexicana para compor o tom da série, então nós veremos entidades astecas, seres como o Chupa-Cabra e outros nomes que compõe o imaginário latino.

O enredo é bem amarrado e o tom da série é um grande acerto! Nós temos um senso de humor muito peculiar aqui, a trama é aterrorizante, mas muito divertida e leve em muitos momentos. Também há uma trama envolvendo a igreja que carrega uma complexidade política e estrutural bem interessante ajudando ainda mais a fazer essa série tão especial.

Mas o ponto mais alto da série é sem dúvida alguma a química entre os protagonistas, o trabalho dos atores aqui é sensacional. Eles dão certo juntos, se complementam, são aprofundados. Nancy é uma personagem muito cativante e carismática.

Você pode achar os efeitos especiais um ponto fraco, porém eles trabalham MUITO BEM a falta de orçamento e ao menos para mim isso passou muito batido, quase irrelevante.

Diablero é uma série muito especial, pois trás muitos temas clichês de sucesso vistos de outra forma. Fala sério: não é muito legal ver o apocalipse acontecendo em um país que não seja os EUA? Ou reconhecer uma mitologia muito mais próxima a nós na trama? É demais!

Diablero é uma série que merece muito ser vista e ganhar a sua audiência! uma bela maratona para o fim de semana!