Em seu novo livro-prelúdio que será lançado pela Editora Rocco, a autora Suzanne Collins focou no passado do vilão Coriolanus Snow. Ele será retratado na adolescência, como um jovem nascido em berço de ouro que busca criar seu próprio legado.
Na versão cinematográfica, o personagem foi interpretado por Donald Sutherland, que parece ter servido de inspiração para a arte conceitual do adolescente Snow.

Ilustração feita por Charles Chaisson para o EW Magazine

Anterior à saga de Katniss Everdeen, A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes, voltaremos no tempo 64 anos antes dos primeiros livros contando mais detalhes dos “Dias Sombrios”, um período de 10 anos depois da guerra, mas antes da Panem como conhecemos . A autora ainda falou que a obra “explorará o estado de natureza, quem somos e o que percebemos ser necessário para nossa natureza”.

Ilustração Editora Rocco

Confira abaixo um trecho do livro:

“Coriolanus jogou o repolho na panela com água fervente e jurou que, um dia, isso nunca mais passaria por seus lábios. Mas esse não era aquele dia. Ele precisava comer uma tigela grande daquela coisa anêmica e beber cada gota do caldo para impedir que seu estômago roncasse durante a cerimônia da colheita. Era uma das várias precauções que tomava para mascarar o fato de que sua família, apesar de residir na cobertura do apartamento mais opulento da Capital, era tão pobre quanto a escória dos distritos. Que, aos dezoito anos, o herdeiro da outrora gloriosa Casa Snow tinha nada com o que viver além de sua inteligência.

Sua camiseta para a colheita o estava preocupando. Ele tinha um par aceitável de calças escuras, compradas no mercado clandestino ano passado, mas era para a camiseta que as pessoas olhavam. Felizmente, a Academia provia os uniformes que precisava usar diariamente. Para a cerimônia de hoje, entretanto, os estudantes foram instruídos para se vestir com elegantemente, mas com a solenidade que a ocasião ditava. Tigris tinha dito para confiar nela, e ele assim o fez. Apenas a sagacidade de sua prima com a agulha o tinha salvado até agora. Mesmo assim, não poderia esperar por milagres.

A camiseta que retiraram do fundo do armário – que pertencia a seu pai e já tinha visto dias melhores – estava manchada e amarelada pelo tempo, com metade dos botões faltando e a queimadura de um cigarro em uma das mangas. Muito danificada para vender até no pior dos tempos. E essa deveria ser sua camiseta para a colheita? Naquela manhã, ele tinha ido a um quarto durante a aurora, apenas para encontrar tanto a camiseta quanto a prima faltando. Não era um bom sinal. Será que Tigris havia desistido daquela coisa velha e se aventurara pelo mercado clandestino em uma última tentativa de achar roupas apropriadas? E que diabos ela teria que valesse alguma coisa para trocar? Apenas uma coisa – ela mesma -, e a Casa Snow não estava desesperada àquele ponto. Ou estava, conforme ele salgava o repolho?”

Lançamento no Brasil

Quando o livro foi anunciado, a Lionsgate não perdeu tempo e já comprou os direitos para a adaptação cinematográfica. O lançamento aqui no Brasil será em 19 de Junho de 2020. Ansioso para ler e assistir A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes ? Todos estamos! E em breve lançarei resenha da série Jogos vorazes.